Notícia postada em: 03/12/2020
Obras de alunos da Rede Caminho do Saber estão em exposição virtual do Centro de Cultura Ordovás



As obras feitas por alunos da Rede de Ensino Caminho do Saber podem ser conferidas em uma nova exposição virtual do Centro de Cultura Ordovás de Caxias do Sul. A ação intitulada EDUCATIVO CONVIDA teve participação quase exclusiva dos estudantes da Rede. Dos mais de 200 trabalhos expostos da comunidade, a grande maioria das obras foi criada pelos estudantes da Caminho do Saber. 

 

O projeto do Ordovás consistiu em disponibilizar todas as suas exposições no site e convidar a comunidade caxiense a visitar e produzir releituras dessas obras expostas. A Rede Caminho do Saber, através do professor de Artes Rafael Dambros, participou da ação com alunos do 8º e 9º anos e 1ª e 2ª séries do Ensino Médio. “Neste ano em função da pandemia, não pudemos fazer visitas a museus e galerias que normalmente fazemos com as turmas, porém surgiu essa oportunidade de poder visitar as mesmas de forma online. Através do EDUCATIVO CONVIDA, os alunos fizeram as visitas online às exposições, escolheram suas obras e produziram suas releituras”, conta Rafael. 

 

E o que era para ser mais um trabalho de escola se tornou praticamente uma exposição exclusiva da Rede Caminho do Saber no Centro de Cultura Ordovás. “A participação no projeto em si, com a exposição das obras, era opcional. Felizmente a grande maioria optou por expor as produções. Fomos a única escola de Caxias do Sul a participar, entre particulares e públicas, e dos mais de 200 trabalhos expostos, apenas dois não são de nossos alunos. Ou seja, essa exposição virtual é majoritariamente da Caminho do Saber e é um orgulho poder ver os trabalhos deles disponíveis para quem quiser conferir”, complementa Dambros. 

 

As obras dos alunos da Rede ficam em exposição online até início do ano de 2021 e podem ser conferidas neste link: https://bit.ly/3qz9jZo 

 

Projeto 

 

O EDUCATIVO CONVIDA foi realizado pela Unidade de Artes Visuais da Secretaria da Cultura e buscou instigar a singularidade coletiva em prol da arte e da cultura, com inspirações em exposições que já aconteceram no Centro de Cultura Ordovás. Além de envolver a comunidade como um todo, o projeto também foi tarefa de sala de aula envolvendo mais de 200 estudantes da Caminho do Saber. 



Confira as fotos

Deixe seu comentário